Tutoriais dos treinamentos oferecidos pela Biblioteca FEA – bases de dados, ABNT e APA

A Biblioteca oferece diversos treinamentos aos usuários FEA sempre que necessário,  alguns deles, inclusive, são realizados todos os anos, tais como das normas APA e ABNT.

Como os tutoriais das apresentações desses treinamentos  trazem conteúdos novos e/ou modificações,  procuramos divulgá-los para mantermos as informações disponíveis no Blog sempre atualizadas.

Compartilhamos os  tutoriais dos treinamentos já oferecidos em 2017 :

  • Recursos informacionais para pesquisa (2016)download
  • Apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos – ABNT NBR 14724-2011 (2017) Atualizada download
  • Estrutura e normalização de trabalhos acadêmicos – APA 6ª edição (2017) Atualizadadownload

 

Normas: APA – 6ª edição e ABNT – NBR 14724/2011

A FEA adota dois padrões de normas para trabalhos acadêmicos (teses e dissertações) de pós-graduação: a APA e a ABNT. A utilização de uma determinada norma depende do curso. Veja abaixo as instruções passadas pela Seção de Pós-Graduação para cada curso:

Administração – norma APA a partir de 11 de setembro de 2015

Contabilidade – norma APA

Economia – norma APA ou ABNT (opcional)

Para auxiliar os alunos da FEA na elaboração de seus trabalhos acadêmicos, semestralmente, a Biblioteca oferece treinamentos sobre as normas APA e ABNT, disponibilizando, posteriormente, o conteúdo no Blog para facilitar a consulta sempre que necessário.

O Manual da American Psychological Association (APA) 6ª edição não possui uma norma específica para trabalhos acadêmicos (dissertação, tese, trabalho de conclusão de curso etc.), somente para artigos de periódicos, por isso, o Sistema Integrado de Bibliotecas (SIBi) da Universidade de São Paulo (USP) indica a utilização da ABNT para a apresentação gráfica e estrutura do trabalho acadêmico.

Clique aqui para o download da apresentação recente sobre o Manual APA 6ª edição

Observação: O conteúdo da apresentação APA é focado para elaboração de trabalhos acadêmicos. Para publicação em periódicos ver o Manual APA disponível para consulta na Biblioteca.

A Norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) – NBR 14724/2011 – especifica os princípios gerais para a elaboração de trabalhos acadêmicos (teses, dissertações e outros), visando sua apresentação à instituição (banca, comissão examinadora de professores, especialistas designados e/ou outros). Esta Norma aplica-se, no que couber, aos trabalhos acadêmicos e similares, intra e extraclasse.

Clique aqui para o download da última apresentação sobre a norma ABNT – NBR 14724/2011.

O conteúdo das apresentações são constantemente atualizados de acordo com as dúvidas que surgem nos treinamentos ou mudanças nas normas. Acompanhe sempre o Blog Biblioteca FEA!

Fontes e recursos para auxílio dos pesquisadores da FEAUSP nas publicações de artigos em periódicos internacionais

Mais uma vez, a Comissão de Pesquisa e a Biblioteca da FEAUSP, em parceria com o Sistema Integrado de Bibliotecas – SIBi (responsável pelo workshop), estão organizando, nos dias 15 e 16/10/13, o “Workshop de Capacitação para Pesquisadores da USP em Publicação Científica – Ciências Humanas e Sociais“. O Evento ocorrerá no auditório FEA 5 das 8h30 as 18h00. As inscrições se encerraram no dia 09/10/13.

Como o objetivo do Workshop é auxiliar/capacitar os participantes no processo de escrita de um artigo científico em língua inglesa, a Biblioteca FEAUSP reuniu fontes e elaborou alguns recursos que irão ajudar seus usuários nesse processo:

  • Lista dos periódicos do Sistema WebQualis das áreas de Economia, Administração e Contabilidade de acordo com o estrato:

WebQualis – áreas: Economia; Administração e Contabilidade

A lista apresenta ainda o fator de impacto do índice SCImago, ou de acordo com a indicação do próprio periódico, e o link para acesso as instruções de publicação para os autores.

Índices como o SCImago (SJR), da base de dados Scopus da Elsevier e o Journal Citation Report (JCR), da base de dados Web of Science da Thomson Reuters, apresentam indicadores de impacto e produtividade dos periódicos por meio de estatísticas baseadas em dados de citação.

O Fator de Impacto (FI) é uma medida que reflete o número médio de citações de artigos científicos publicados em determinado periódico. É um dos indicadores mais utilizados e aceitos na área acadêmica, por isso, é importante consultar os índices disponíveis na escolha do periódico para a publicação de um artigo. Quanto maior o fator de impacto do periódico, maior a probabilidade de um artigo ser acessado e citado, consequentemente, isso aumentará o índice de citação do autor(es).

Scimago

Journal Search – pesquise pelo título, ISSN ou editor do periódico.

Journal Rankings – pesquise pela área, categoria, país, ano do periódico etc.

É possível também pesquisar por país de publicação no Country Rankings e no Country Search.

JCR

JCR Search – pesquise pela edição, ano, assunto, editor, país ou título do periódico.

Lista dos periódicos indexados no ano de 2012 – Journals in the 2013 release of JCR: Thomson Reuters 2012 Citation Data

  • Apresentação com a síntese das principais normas do “Manual de publicação APA – 6ª edição”:

O manual da American Psychological Association (APA) é o mais adotado pelos periódicos internacionais. Por isso, é importante conhecer suas normas.

VERSÃO DESATUALIZADA DA APA, ACESSAR VERSÃO REVISADA E ATUALIZADA COM CORREÇÕES NO LINK – https://bibliotecafea.com/2015/05/29/normas-apa-6a-edicao-e-abnt-nbr-147242011/

Download da apresentação – APA – 6ª edição

A Biblioteca FEA possui o Manual APA em português e inglês para consulta local, não é possível fazer o empréstimo das obras.

É importante frisar que grande parte dos periódicos internacionais adotam a APA, mas com adaptações. Sempre deve ser consultado o editorial do periódico.

  • ResearcherID e Minhas Citações do Google Acadêmico

ResearcherID é uma ferramenta criada pela Thomson Reuters para solucionar o problema da ambiguidade do nome do autor dentro da área acadêmica, além disso propicia visibilidade internacional ao pesquisador e seus trabalhos e identifica pesquisadores que possuem linhas de pesquisa similares.

Minhas Citações do Google Acadêmico permite a criação de um perfil público (para que ele seja exibido nos resultados do Google Acadêmico) e oferece aos autores uma forma simples de acompanhar as citações de seus artigos.

Link para acesso aos tutoriais no Blog – Como melhorar a visibilidade da produção acadêmica: tutorial ResearcherID e Minhas Citações do Google Acadêmico

  • Índice H

O índice h, ou h-index, é uma proposta para quantificar a produtividade e o impacto de pesquisas individuais ou em grupos baseando-se nos artigos mais citados. Por exemplo, um pesquisador com h=5 tem 5 artigos publicados que receberam 5 ou mais citações.

Links para acesso aos tutoriais com procedimentos de busca de citações nas bases de dados: ISI Web of KnowledgeSCOPUSSciELO e no Google Acadêmico.

  • Serviços oferecidos pela Biblioteca:

Além desses produtos, a Biblioteca oferece os serviços de comutação bibliográfica, pesquisa de artigos sobre determinado tema, auxílio no levantamento de periódicos para publicação das áreas da FEA e esclarecimentos de dúvidas e orientação com relação à norma APA.

O Serviço de Comutação Bibliográfica viabiliza a obtenção de cópias de artigos de periódicos, teses, anais de eventos etc, disponíveis nas principais bibliotecas brasileiras e em serviços de informações internacionais. É gratuito para materiais de até 20 páginas. Ultrapassando essa quantidade o serviço será cobrado.

Informações e solicitações: comutfea@usp.br. Fone: (11) 309-5692. Responsáveis: Luciene e Valéria.

Conte com o apoio da equipe da Seção de Atendimento da Biblioteca!

Empréstimo Entre Bibliotecas (EEB)

O Empréstimo Entre Bibliotecas (EEB) possibilita ao usuário solicitar livros, dissertações e teses das bibliotecas parceiras da Biblioteca FEA.

A Biblioteca FEA sempre ofereceu o Empréstimo Entre Bibliotecas, mas de forma manual. Com a implantação do SISWEEB, o serviço agora é oferecido por meio de um formulário online, agilizando e facilitando o atendimento.

Este serviço é destinado aos alunos regularmente matriculados nos cursos de graduação e pós-graduação, docentes e funcionários da FEAUSP e permite a solicitação de material bibliográfico das bibliotecas dos campi USP Leste (EACH), Unidades da USP do interior, UNESP e UNICAMP.

Para realizar a solicitação, o usuário deverá cadastrar-se no SISWEEB, conforme as orientações do tutorial abaixo.

O prazo para atendimento dos pedidos é de até 15 dias úteis, dependendo da unidade fornecedora.

Em caso de dúvida, entre em contato com Roberto ou Luciene: (11) 3091-5962 ou eeb.fea@usp.br.

Download do  Tutorial SISWEEB

Como melhorar a visibilidade da produção acadêmica: tutorial ResearcherID e Minhas Citações do Google Acadêmico

ResearcherID é uma ferramenta criada pela Thomson Reuters para solucionar o problema da ambiguidade do nome do autor dentro da área acadêmica, além disso propicia visibilidade internacional ao pesquisador e seus trabalhos e identifica pesquisadores que possuem linhas de pesquisa similares. Permite, também, construir um perfil de seus trabalhos acadêmicos, visualizar o índice H e o índice de citações bem como o mapa de relacionamento de pesquisadores, instituições, países etc.

Já o Minhas Citações do Google Acadêmico permite a criação de um perfil público (para que ele seja exibido nos resultados do Google Acadêmico) e oferece aos autores uma forma simples de acompanhar as citações de seus artigos. É possível verificar quem cita suas publicações, obter o índice H, visualizar gráficos e métricas de citação.

Outra ferramenta que possibilita a divulgação do pesquisador e de seus trabalhos é o Mendeley (software acadêmico gratuito para gerir, partilhar, anotar, referenciar e citar artigos científicos e textos diversos. Também funciona como uma rede social na qual podem ser criados grupos de pesquisa sobre temas de interesse, ligar-se a outros pesquisadores e interagir com os pares ). Há 4 tutoriais disponíveis sobre o Mendeley no Blog.

O ResearcherID e o Google Acadêmico são gratuitos, para utilizá-los é necessário registrar-se conforme os passos a seguir:

Tutorial ResearcherID

Para downloadtutorial ResearcherID

Conteúdo:

1) Como criar seu perfil no ResearcherID

2) Complete seu perfil no ResearcherID

3) Como adicionar publicações no ResearcherID

3.1) Como adicionar publicações no ResearcherID – Web of Knowledge

3.2) Como adicionar publicações no ResearcherID – EndNote Web

3.3) Como adicionar publicações no ResearcherID – RIS

3.4) Como adicionar publicações no ResearcherID – Google Acadêmico (RIS)

4) Possibilidades do ResearcherID

Tutorial Minhas Citações – Google Acadêmico

Para downloadtutorial Minhas Citações

Conteúdo:

1) Como criar seu perfil no Google Acadêmico

2) Como adicionar publicações no Google Acadêmico

3) Como excluir publicações no Google Acadêmico

4) Como exportar publicações no Google Acadêmico

4.1) Como exportar publicações para o ResearcherID

5) Índices de citações do Google Acadêmico

Além dessas 2 ferramentas, o uso de Twitter, Facebook, LinkedIn e outras redes sociais para a divulgação de informações sobre pesquisas científicas foi defendido pelos participantes de um painel sobre comunicação em ciência na reunião anual da American Association for the Advancement of Science (AAAS), realizada de 14 a 18 de fevereiro em Boston, Estados Unidos.

“Se os cientistas não estão utilizando as mídias sociais, eles simplesmente não estão se comunicando com a maioria da população”, disse uma das palestrantes, Christie Wilcox, do Departamento de Biologia Celular e Molecular da Universidade do Havaí (Fonte: Agência Fapesp).

Com doutorado e pós-doutorado em neurociências, Scicurious salientou que as mídias sociais ajudam a tornar a ciência uma experiência mais próxima do público geral e podem dar aos pesquisadores uma possibilidade de mostrar “sua personalidade fora do laboratório” (Fonte: Agência Fapesp).

Nesse sentido, durante o Simpósio Internacional sobre Rankings Universitários e Impacto Acadêmico na Era do Acesso Aberto, organizado pelo Sistema Integrado de Bibliotecas (SIBi) da USP, em outubro de 2012, foi indicado aos pesquisadores que se cadastrassem no ReseacherID, no Google Acadêmico e nas ferramentas de redes sociais para melhorar sua visibilidade e de suas pesquisas e, assim, contribuir para o crescimento da USP nos rankings universitários.

O que você está esperando?! Aproveite os tutoriais e crie seu perfil!

Veja também: Como criar e iniciar sua biblioteca de pesquisas no Mendeley

Veja também: Como gerir sua biblioteca no Mendeley

Veja também: Como inserir referências e citações por meio do Mendeley

Veja também: Como criar seu perfil e grupos no Mendeley

Como criar seu perfil e grupos no Mendeley

Além das funções de referência e citações o Mendeley funciona também como uma rede social, pois possibilita que o pesquisador crie seu perfil e grupos nas áreas de interesse, compartilhe documentos e troque informações.

Passo a passo:

1) Perfil

 1.1) Ao criar uma conta no Mendeley versão on-line, automaticamente, é disponibilizado seu perfil público e para acessá-lo basta clicar no nome de cadastro (tópico 1). Na opção “View Profile” é possível verificar as informações divulgadas no seu perfil (tópico 2).

1.2) Para adicionar uma foto, acrescentar, apagar ou alterar informações escolha a opção “Edit Profile” (tópico 3) e em cada campo clique em “Edit”.

1.3) Em “Updates” (tópico 4) ficam relacionadas as últimas atualizações e há a opção para apreciar e/ou postar comentários sobre os textos.

2) Criar grupos

 2.1) No Mendeley versão on-line escolha a opção “Create Group” (tópco 1)

2.2) Os grupos podem ser privados ou públicos (tópico 2). Há a opção de deixar o grupo aberto para a participação de interessados (Anyone can join this group) ou ser liberado a partir da aprovação do criador do grupo (Anyone can ask to join this group – tópico 3). Para criá-los é necessário dar um nome e uma descrição para o grupo (tópico 4). Para acrescentar mais informações sobre o grupo clique em “Give this group more details” (tópico 5).

OBS.: Os grupos privados contêm texto integral. Os grupos públicos compartilham apenas as referências e são pagos.

2.3) É possível convidar as pessoas por e-mail (Invite people to join) e/ou por meio das redes sociais (tópico 6), compartilhar textos (Papers – tópico 7), visualizar os membros do grupo (Members – tópico 8), alterar as informações (Settings – tópico 9) e cancelar o grupo (Delete this group – tópico 10).

Veja tutorial atualizado: Mendeley – tutorial atualizado

Veja também: Como criar e iniciar sua biblioteca de pesquisas no Mendeley

Veja também: Como gerir sua biblioteca no Mendeley

Veja também: Como inserir referências e citações por meio do Mendeley

Como inserir referências e citações por meio do Mendeley

ATENÇÃO: Acesse o tutorial atualizado no post “Mendeley – tutorial atualizado

Para inserir citações e referências bibliográficas nos documentos é necessário a instalação do Mendeley no editor de texto do computador.

Passo a passo:

1) No Mendeley, versão desktop, clique em “Tools” e em “Install MS Word Plugin” (tópico 1).

2) Aparecerá uma mensagem avisando se a instalação está correta (tópico 2).

3) Antes de iniciar a utilização é necessário definir a norma bibliográfica. Para isso, clique em “View” e em “Citation Style” (tópico 3) e escolha dentre as opções existentes (tópico 4).

4) Para acrescentar o padrão da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT (norma oficial brasileira para citações e referências) clique em “More Styles…” (tópico 5).

5) Clique em “Get More Styles” e digite “ABNT” no campo de busca (tópico 6), selecione a norma desejada e instale (“Install” ou “Install and Use”- tópico 7).

6)  Abra o Word, clique na opção “Referências” e na aba “Styles” selecione o estilo desejado ou então em “More Styles…” (tópico 8), novamente, para selecionar a ABNT (tópico 9).

7) Para acrescentar os dados da citação vá em “Referência” e clique em “Insert Citation” (tópico 10). Pesquise por autor, título ou ano do documento que foi citado, selecione e dê Ok. (tópico 11).

8) Para acrescentar a referência bibliográfica da citação, selecione “Referência”  e clique em “Insert Bibliography” (tópico 12), aparecerá, automaticamente, a referência da citação.

Apesar do Mendeley oferecer a opção de normalização pela ABNT, a referência bibliográfica apresenta algumas diferenças com a norma vigente, por isso, é necessário fazer alguns ajustes. É aconselhável consultar a norma NBR 6023 – Referências – Elaboração.

As informações das referências e citações que são transferidas para o editor de texto word estão atreladas aos dados existentes em “My Library”, assim é importante eles estarem completos e corretos.

O Mendeley também funciona nos sistemas operacionais Mac e Linux. Já para inserir citações no Google Docs e em outros editores de texto utilize as funções copiar e colar.

Veja tutorial atualizado: Mendeley – tutorial atualizado

Veja também: Como criar e iniciar sua biblioteca de pesquisas no Mendeley

Veja também: Como gerir sua biblioteca no Mendeley

Veja também: Como criar seu perfil e grupos no Mendeley