Mudanças nas regras de utilização das BibLabs: uso individual e em duplas

BibLab_01A Comissão da Biblioteca da FEA, atendendo as solicitações dos usuários, aprovou a utilização individual ou em duplas das salas BibLabs. As reservas poderão ser feitas por apenas uma hora, sem direito a prorrogação, e somente pelos professores e alunos regulamente matriculados nos cursos de graduação e pós-graduação da FEA. Serão destinadas para essa finalidade as salas de números 8 e 11, por serem menores. Consulte o regulamento completo , para maiores informações.

As BibLabs ficam no piso superior da Biblioteca FEA, salas 8,9,10 e 11. Informações: bibfea.atend@usp.br ou (11) 3091-9876.

Aproveitamos para divulgar as informações e os regulamentos de todas as salas de estudo e o auditório Safra para facilitar a consulta.

Centro Interativo de Ensino e Pesquisa – CIEP  (local: piso térreo, sala 4).

sala_ciep-744x419A Biblioteca oferece apoio operacional e recursos tecnológicos para atividades relacionadas à educação a distância (realização virtual de palestras e aulas, defesas de teses e dissertações, reuniões etc.). A sala comporta o número mínimo de 7 até o máximo de 21 pessoas.

Para reservas é obrigatório o preenchimento do formulário.

Informações: videoconferência com Ana Cristina acsantos@usp.br ou (11) 3091-5968.

Agenda:  http://goo.gl/karwIQ

DesignLab (local: piso térreo, sala 11) – regulamento completo 

sala_design_lab_1

Espaço colaborativo, inspirado na metodologia Design Thinking da Universidade de Stanford. Possui uma área total de 73 m², mobiliado com lousas móveis, internet WiFi USP NET, mesas e cadeiras móveis, bancadas e banquetas, e projetor (sala sem computador, necessário levar um notebook).

Para uso em grupo  de no mínimo 8 e, no máximo, 50 pessoas.

Informações: bibfea.atend@usp.br ou (11) 3091-5968.

Agenda: https://goo.gl/7vaxO2

Auditório Safra (local: piso superior, entrada da Biblioteca)

Auditório Safra

O auditório Safra pode ser utilizado para fins acadêmicos ou administrativos da FEA, eventos em parceria com a FEA e por outras Unidades/Órgãos da USP, conforme 2º artigo da portaria FEA Nº5/2014. Tem capacidade para 150 pessoas e pode ser dividido em 2 ambientes, pois possui uma divisória e cadeiras móveis.

Reserva:  A solicitação deve ser realizada com 2 dias de antecedência através do formulário no site (é necessário salvar, editar ou imprimir). Cancelamento envie e-mail para bibfea.reservas@usp.br.

Para o serviço de apoio de informática e audiovisual, a solicitação é feita através do formulário específico.

Informações: Ana Cristina acsantos@usp.br ou (11) 3091-5968.

Agenda: https://goo.gl/7mbzIX

Os números de 2015

Infográfico-estatísticas biblioteca 2015

Consulte a lista do 50 livros mais emprestados em 2015.

Os duendes de estatísticas do WordPress.com prepararam um relatório para o ano de 2015 deste blog.

Aqui está um resumo:

O Museu do Louvre, em Paris, é visitado todos os anos por 8.5 milhões de pessoas. Este blog foi visitado cerca de 170.000 vezes em 2015. Se fosse o Louvre, eram precisos 7 dias para todas essas pessoas o visitarem.

Clique aqui para ver o relatório completo

GedWeb: acesso online às normas da ABNT e outras normas do Brasil e do Mercosul

A Universidade, por meio do Sistema Integrado de Bibliotecas da USP (SIBiUSP), assinou o serviço GedWeb que disponibiliza o acesso a mais de 16 mil normas da ABNT e mais de 600 normas do Mercosul, além de 360 mil legislações de órgãos reguladores nacionais, como INMETRO, ANEEL, ANVISA, entre outros.

O acesso ao conteúdo é aberto a toda comunidade USP, por meio de reconhecimento de IP (computadores existentes na Universidade). Se o usuário estiver fora da Universidade, poderá acessar o serviço por meio do VPN USP.

O portal Gedweb permite ao usuário pesquisar em todo o conteúdo assinado por categoria de material ou navegar pelo número das normas.

Para acessar o GedWeb clique no link: http://buscaintegrada.usp.br/primo_library/libweb/action/search.do?vid=USP&pagina=azbase e em “ABNT (Normas ABNT e Mercosul – Portal GedWeb)”.

Siga o exemplo para navegação no GedWeb:

Clique em “Voltar” para ir para a tela de pesquisa

Tela inicial GedWebPara fazer a pesquisa das normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) digite “NBR” e o número da norma de interesse no campo “Termo”, como no exemplo da imagem abaixo, e escolha “Norma Brasileira/Mercosul” em “Categoria”. Clique em “Buscar” para efetivar a pesquisa e em “Visualizar” para abrir o PDF da norma.

Como pesquisar no GedWeb

Para quem precisa normalizar o seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), Dissertação ou Tese, listamos as principais normas relacionadas à elaboração de trabalhos acadêmicos da ABNT disponíveis no GedWeb:

Exemplo da norma da ABNT NBR 14724:2011 - Informação e documentação - Trabalhos acadêmicos - ApresentaçãoNBR 6023: 2002 – Informação e Documentação – Referências – Elaboração

NBR 6024: 2012 – Informação e Documentação – Numeração Progressiva das Seções de um Documento – Apresentação

NBR 6027: 2012 – Informação e Documentação – Sumário – Apresentação

NBR 6028: 2003 – Informação e Documentação – Resumo – Apresentação

NBR 10520: 2002 – Informação e Documentação – Citações em Documentos – Apresentação

NBR 14724: 2011 – Informação e Documentação – Trabalhos  Acadêmicos – Apresentação

Mendeley – tutorial atualizado

Que tal uma ferramenta que faz a referência bibliográfica baseado nas normas e insere, automaticamente, as citações no texto? Essa ferramenta existe e se chama Mendeley, um software acadêmico gratuito para gerir, partilhar, anotar, referenciar e citar artigos científicos e textos diversos. Além disso, funciona como uma rede social na qual podem ser criados grupos de pesquisas sobre temas de interesse, descobrir tendências de pesquisa, interagir com os pares e ligar-se a outros pesquisadores.

Ele funciona nos sistemas operacionais Windows, Mac e Linux e é possível acessar seus documentos pela Web, por meio de aplicativos instalados nos sistemas IOS e Android ou no próprio desktop do seu computador, através do download do programa.

Já temos 4 tutoriais sobre o Mendeley disponibilizados no Blog, porém algumas mudanças na aparência e conteúdo demandam uma atualização. Assim, atualizamos o nosso tutorial com o acréscimo das normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e da American Psychological Association (APA) – 6ª edição (explicações de como acrescentar no Mendeley e no Word as normas, e exemplos de correções necessárias nas referências).

Para download do “Tutorial Mendeley” clique aqui.

O conteúdo do tutorial sempre será atualizado de acordo com as mudanças do Mendeley. Acompanhe sempre o Blog Biblioteca FEA!

Conservação e preservação do acervo – uma preocupação constante

As políticas de preservação e conservação de acervo são importantes  para manutenção de uma Biblioteca ativa e completa. O acervo físico está sujeito, diariamente, a agressões de agentes que podem danificá-lo. Desde a manipulação dos itens até sua exposição ao calor, à umidade ou a luminosidade excessivas, tudo pode contribuir para a deterioração do material e, consequentemente, sua retirada da coleção para restauro ou até o seu descarte. São muitas as técnicas empregadas para a restauração dos livros condenados por desgaste, porém todas custam caro e apesar da destinação de verbas anuais para essa finalidade, os recursos disponíveis não são capazes de cobrir toda a necessidade de restauração de um acervo do porte da Biblioteca FEA. Além disso, um livro enviado para encadernação externa pode demorar meses para retornar à estante, provocando uma indisponibilidade indesejada no acervo.

Oficina de Encadernação e Pequenos Reparos
Oficina de Encadernação e Pequenos Reparos

Entendendo que é melhor preservar do que recuperar, a Biblioteca FEA vem investindo em uma política de preservação e conservação que prolongue a vida útil de cada item. Esse projeto começou com a implantação da “Oficina de Encadernação e Pequenos Reparos” que conta com a funcionária Márcia Gomes Novo de Martin, especialmente treinada em vários cursos de encadernação e restauro de papel, incumbida de realizar a colagem de capas e lombadas, costuras, reposição de páginas etc, respeitando as técnicas específicas para cada caso, antes que os prejuízos impliquem na necessidade de uma maior intervenção. Em apenas alguns meses de funcionamento já é possível constatar a diferença que o trabalho desenvolvido trouxe para a nossa realidade, um socorro eficiente que devolve o livro para a circulação em menos tempo e com menor custo. A poeira, outro inimigo natural dos livros, também é uma preocupação. Para realizar a higienização do acervo contamos com o trabalho temporário da Luana Silva Rosa que, periodicamente, retira os livros das estantes, limpando item por item, diminuindo a possibilidade de infestação de insetos e  fungos.

O bom estado do acervo depende da ação conjunta de todos, alguns cuidados básicos contribuirão para prolongar sua vida útil, preservando assim, não só a informação, mas, sobretudo, a estrutura física das obras: – Tenha as mãos limpas ao manusear os livros, resíduos danificam o papel; – Mantenha alimentos e bebidas longe dos livros; – Não faça anotações, não grife e nem apoie os braços nos livros; – Não utilize clips como marcador de página; – Não cole fitas adesivas, nem coloque elástico para segurar páginas soltas.

Entendendo o sistema de guarda-volumes

Desde o começo do ano, a Biblioteca implantou um sistema de controle das chaves dos guarda-volumes. Com um programa criado em parceria com a Seção Técnica de Informática (STI) da FEA, agora é possível associar o usuário à chave retirada, evitando o uso indevido dos armários.

Guarda-volumes azuis e cinzas Com o novo procedimento, o usuário precisa se dirigir ao balcão de atendimento no piso superior e apresentar a carteira USP (usuário USP) ou CPF (usuário externo) para a retirada da chave. Não há necessidade de retenção do documento. A devolução da chave é realizada no mesmo balcão, mas sem a necessidade de apresentar o documento novamente.

Usuários externos (usuário não USP) e calouros serão cadastrados no programa em seu primeiro acesso à biblioteca , quando serão solicitadas algumas informações, além de um documento em que conste o nº do CPF ou o número USP no caso dos calouros. Os portadores de cartão USP tiveram seus dados baixados a partir do sistema de empréstimos, porém algumas atualizações poderão ser solicitadas quando necessário.

O uso do guarda-volume é restrito ao período de permanência na Biblioteca, sendo permitido a utilização de apenas um armário por usuário. Os armários são identificados pelos termos AZUL ou CINZA e as respectivas numerações, informações que constam abaixo do código de barras das etiquetas das chaves, conforme exemplos:

Exemplo de etiqueta do armário AZUL      Exemplo de etiqueta do armário CINZA

IMPORTANTE: A perda da chave do armário cinza acarretará na cobrança de multa de R$30,00, já a perda da chave do armário azul implicará no ressarcimento de R$120,00 para cobertura das despesas de troca da fechadura e reposição da chave.

OBS.: Os valores dos exemplos das etiquetas estão desatualizados.

A não devolução da chave durante o período de funcionamento da Biblioteca, no dia em que foi retirada, resultará em suspensão do uso do guarda-volumes pelo dobro dos dias de atraso.