O elogio do vira-lata e outros ensaios

É possível virar do avesso o “complexo de vira-latas” — a expressão cunhada por Nelson Rodrigues para a subalternidade dos brasileiros em relação ao que é estrangeiro — e reinventá-lo não apenas como componente identitário, mas também como virtude tropical? No ensaio inédito que dá nome ao livro, Eduardo Giannetti vai na contramão do senso comum e defende que “não ter pedigree” é um caminho civilizatório tão válido quanto os trilhados por sociedades tidas como exemplos de desenvolvimento.
Nesta coletânea, o leitor encontrará ainda outros 24 textos em que o economista aborda, com a lucidez e a argúcia que lhe são características, assuntos pertinentes à identidade, à cultura e à economia. Agrupados em eixos temáticos, os escritos aliam o diálogo com as inquietações do presente à lucidez e à erudição que firmaram o autor como um de nossos pensadores mais originais.
Ao reunir textos concebidos durante quase três décadas de prolífica atividade, O elogio do vira-lata se revela a um só tempo registro de uma brilhante trajetória intelectual e tributo otimista e apaixonado ao conhecimento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s